[ editar artigo]

A lei de Pareto da vida e o coach

A lei de Pareto da vida e o coach

A regra é simples: não existe segredinho ou hackezinho para o crescimento de uma rede social. Principalmente quando estamos falando de empresas que usam as plataformas para venda e alcance.

Com o tempo de trabalho você fica acostumado com as “leis” do Instagram ou Facebook: “não pode fazer tal coisa que o algoritmo pega”, “não pode fazer isso”, “o algoritmo sabe aquilo”, “feed bonito é sua vitrine”. Coisas que inclusive, em algum momento do desenvolvimento, nos mesmos repetimos ou no mínimo ouvimos dentro de uma agência.

A pior parte é quando aquela pessoa que se diz bem entendida, desenvolve um método de social hack e transforma em um curso ou no mínimo em um conteúdo que vai “te ajudar a engajar mais”

O problema (e o que o curso de Social Media Exponencial ensina) é que crescimento em rede social, quando visada, é trabalho.

Até mesmo um influenciador que tenha crescido vendendo a própria imagem ou lifestyle, se encaixa nesse padrão de trabalho.

Quando você transforma isso em uma receita de bolo, fica bem claro que isso não vai funcionar.

Você precisa sim criar um conteúdo planejado, pensando diariamente, analisado, medido e pesado. Com decisões sendo tomadas, mesmo que o feeling faça a diferença. Em que ao invés de expor todos os dias, na cara dos usuários o que é vendido e oferecido, como se ainda estivéssemos em 1960, vai apenas afastar quem poderia muito bem se interessar pela persona da marca e principalmente por quem a oferece.

 

Essa história repetida por muitos, que somente eles sabem fazer a diferença, sem nunca terem analisado um relatório de campanha, não cola. Ninguém sabe a solução definitiva ou a mudança perfeita, apenas pensando sobre. Ninguém consegue criar um método especial e que vai fazer todo mundo ganhar nas redes sociais, apenas com um insight divino.

No fim tudo é comunicação e não existe um robô controlando se você vai ou não fazer sucesso. Existe o seu conteúdo e como as pessoas o julgam e se relacionam com ele.

Ler conteúdo completo
Indicados para você